O fotógrafo australiano decidiu pedir a mão de sua namorada em grande estilo, sob as incríveis luzes da aurora boreal da Noruega, no Círculo Polar Ártico.

O fotógrafo Dale Sharpe procurou o um dos espetáculos mais bonitos da terra, para pedir a mão de Karlie em casamento. A natureza surpreendeu, e Dale  fingiu para Karlie que ia tirar uma selfie, para salvar a espontaneidade de sua reação na hora em que se ajoelhou e lhe ofereceu o anel.

Publicidade de anúncios que não deram muito certo

Essa foi a segunda tentativa de Dale, na primeira vez, Karlie jogou no lixo um vidro de creme para as mãos, que estava escondido um anel de 4 mil dólares. O fotógrafo não contou nada na época, mais decidiu juntar dinheiro para comprar um novo anel, e finalmente deu certo.

Confira mais fotos:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here